728x90 AdSpace

Agora News
quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Dicas e Macetes para Instalações elétricas em Móveis



Instalações elétricas em móveis são muito mais comuns do que a gente imagina, mas estão lá tomadas e mais tomadas, interruptores e lampadas dos mais variados tipos, a dependência cada vez maior de equipamentos eletroeletrônicos como barbeadores, tablets, radio-relógios, computadores e demais artigos eletrônicos e de iluminação decorativa tornam peças de móveis em verdadeiros on boards tecnológicos presentes em armários de cozinha, estantes, prateleiras, gabinetes de banheiros, dormitórios entre outros.

E não para por ai, muitos escritórios por intermédios de seus decoradores e arquitetos planejam cada vez mais móveis dependentes de energia elétrica embutida como balcões, mesas, gabinetes e muitos mostruários.

Estes tipos de instalações estão cada vez mais frequentes e junto a eles o perigo de incêndio, haja vista a facilidade destes materiais ( na maioria madeira) pegar fogo e o eletricista deve estar atento a isto e utilizar as normas técnicas previstas na NR5410, no entanto algumas dicas e macetes você encontra aqui, confira !




Móveis construídos de materiais inflamáveis


Em casos de móveis com materiais propensos à pegar fogo, como madeiras, tecidos e similares, devem ser instalados interruptores que desligam os equipamentos quando houver uma potência dissipada dos equipamentos que possa gerar temperaturas elevadas.




Linhas elétricas


Os cabos podem ser instalados no interior de eletrodutos, eletrocalhas ou em algum compartimento produzido durante a fabricação do móvel. No caso de eletrodutos ou eletrocalhas fechadas, podem ser usados condutores isolados (cabos de 750 V); dentro de eletrocalhas abertas ou em compartimento no interior do móvel devem ser usados cabos unipolares ou multipolares (cabos de 1 kV). Não
podem ser usados no interior de móveis cabos destinados a ligações de equipamentos (cabos 500 V).


Seção dos condutores


A seção mínima dos condutores deve ser de 2,5 mm2 para circuitos de tomadas e 1,5 mm2 para circuitos de iluminação. Estas são as seções mínimas admitida nas normas brasileira


Proteção mecânica dos cabos 


Os cabos devem estar protegidos contra todos os danos, em especial a torção e a tração. Para isso eles devem ser fixados nas paredes dos móveis e devem ser colocados dispositivos na entrada dos aparelhos e nas emendas.


Conexões


As conexões devem ser feitas utilizando tomadas de corrente ou bornes em caixa fechadas que só podem ser abertas com ajuda de ferramenta



Móveis para uso em banheiros e vestiários


Os móveis instalados em banheiro ou vestiários devem ser sempre fixados na parede ou piso, de modo a respeitar os volumes estabelecidos na seção 9.1 da NBR 5410. A conexão dos móveis com a instalação fixa da edificação deve ser feita numa caixa com bornes, fechada que só pode ser aberta com ajuda de ferramenta 

Leve em consideração a manutenção e a movimentação destes móveis, em alguns casos é viável a aplicação de plugs macho e femea, partes com movimentação automática como paineis e quadros de projeção é indicado o uso de corrugado reforçado em fixado e em casos extremos corrugado alma de aço em isolados e fixados para evitar esmagamentos e torções.


  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Dicas e Macetes para Instalações elétricas em Móveis Rating: 5 Reviewed By: Mauricio Pagliaccio