728x90 AdSpace

Image and video hosting by TinyPic
Agora News
quinta-feira, 30 de junho de 2016

Construa seu Próprio Gerador Eólico Caseiro Fácil e Barato



Antes de irmos direto a matéria de como construir um gerador eólico que tal entendermos um pouco mais do assunto, aprofundarmos no tema deste tipo de energia renovável e uma das mais acessíveis ao publico em geral de forma direta.

Qual a diferença entre gerador eólico e aerogerador ?


Nenhuma, essa diferenciação está sendo empregada apenas para dividir o conceito para uma forma industrial e comercial para uso doméstico e caseiro, ou seja os dois tem o mesmo fundamento e objetivo, transformar energia dos ventos em eletricidade, entenda !

O que é Eólico ?


A palavra eólica tem sua origem na Grécia Antiga, na mitologia grega. Éolo, o deus grego que controlava a força dos ventos, tanto as brisas leves quanto as piores tempestades.

Então um Gerador Eólico é


Um equipamento que transforma á energia dos ventos (cinética) em energia elétrica através de mecanismos como pás (catavento) e um rotor eletromagnético, pode ser conhecido também como aerogeradores.

Considerações

Obviamente devemos considerar a questão de viabilidade técnica para a instalação do aerogerador como condições de ventos e local de instalação, pois em grande centros é difícil obter este espaço e condições de vento para efetivação deste projeto, no entanto vale ressaltar que pode ser uma matéria didática a estudantes de eletro-eletrônica e pode se testar a eficiência levando para algum local que reúna essas condições.


Na questão de consumo o gerador eólico pode ser viável desde que o projeto tenha essas condições de vento, armazenamento da energia e sua transformação para tensão convencional 127 V, porem pode ser util em casos onde se utiliza tensões de 12V como iluminação e alguns tipos de motores,

Viabilizando o Projeto de um Aerogerador



Bom para começar vamos pela estrutura e para isso você pode fabrica-lá com tubos e cantoneiras de ferro, o ideal a partir do solo atingir altura de 2,5 metros, no topo da torre deve-se fazer uma ase giratória para que o sistema mantenha-se no fluxo dos ventos, outra dica é comprar torres de antenas (caso o dinheiro permita) e haste prontas. Na base de giro deve- instalar o alternador e na cauda uma guia que pode ser de madeira funcionando como um leme automático

O segundo ponto mais difícil é adaptação de pás ou hélices, para isso indico que faça você mesmo á partir de bases de plastico rígidos para manter a leveza, as pás devem ser rigorosamente do mesmo tamanho e peso para não desbalancear o sistema, outra dica interessante é produzir a pá com canos de esgoto porem dai vai de sua eficiência em produzi-las. Lembre-se que as pás devem ser grandes para captar os ventos, indico que utilizem pás de 0,70 CM no máximo. Pás grande de ventiladores velhos também é uma ótima solução.

Alternador veícular como gerador (adquirir usado $80)


Dica de hélice a partir de canos


Agora a montagem em si, esta é mais fácil !

Instalando a torre base, o eixo rotativo com o leme, prenda o alternador já com as hélices montadas na base frontal de giro, soldando ou adaptando com parafusos.

Respeitando as polaridades do alternador instales os cabos até o local que deseja (não muito longo)  e instale no regulador de tensão e apos isso interligue à bateria, mas antes verifique pois existem alternadores que possuem o regulador acoplado, neste caso ligue direto à bateria.

Para armazenar a energia você pode utilizar mais baterias e instalar em paralelo as demais. se for utilizar esta energia de forma direta tome o cuidado de conferir a potencia dos equipamentos, se quiser transforma-la em energia de uso convencioal/doméstico utilize um transformador de tensão, mas este assunto é para uma próxima matéria.



Isso ai pessoal, claro que como todo projeto de tipo caseiro não existe uma regra padrão à seguir pois tratamos de uma forma mais educativa e todo projeto desta forma carrega questões muito personalizadas e distintas, devendo você adequar tudo de seu próprio jeito, boa sorte !


  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

13 comentários:

  1. Parabéns pela postagem um ótimo trabalho

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Paulo ! Ficamos felizes com seu elogio e força para seguir, grade abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.tydo bem.sou novo por ak adquiri um motor de esteira ,ele é bem grande , gostaria de uma ajuda para montar o meu....ele é um motor image 464 d

      Excluir
    2. Olá.tydo bem.sou novo por ak adquiri um motor de esteira ,ele é bem grande , gostaria de uma ajuda para montar o meu....ele é um motor image 464 d

      Excluir
  3. Bom trabalho, me enteresso pela área de energia Eolica e estou começando a estuda-la a fundo, esse projeto é promissor e me deu incentivo para buscar me aprofundar mais Parabéns

    ResponderExcluir
  4. Mas não seria necessário um conversor 12 volts para 110?!

    ResponderExcluir
  5. Desculpa pessoal, não é botando terra no projeto!!! Mas utilizar alternador de carro sem alterar o sistema de criação de campo magnético você teria que ter um furação soprando parar gerar energia!!
    1-alternador precisa de no mínimo 200rpm para induzir um campo elétrico
    2-a força que esse campo cria praticamente freia o alternador, a não ser que esteja em uma tempestade com ventos de 50km/h
    Entre outras coisas!
    Da forma como é dita parece que é muito fácil juntar todas as peças listadas e montar um aerogerador SQN!
    Todos os projetos criados fora do Brasil onde são utilizados alternadores os mesmos sofrem alterações do sistema de criação de campo magnético por imãs de neodímio N50 no mínimo e se altera o sistema de retificação usando apenas corrente alternada que posteriormente e retificada e filtrada.
    Dessa forma qualquer vento que faça o alternado girar produzirá energia proporcionalmente!!
    Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. exato!! o alternador desligado gira com toda facilidade, depois de acionado num é qquer catavento que gira ele não. Acoplar ele diratamente na hélice eu tenho quase certeza que só vai gerar alguma coisa nuam ventania absurda, teria que fazer um sistema de polias para aumentar a rotação em relação a helice

      Excluir
    2. bem dessa, teria aumentar tamanho das pas, quase q com o dobro do tamnho indicado (70cm), para ter força de rodar o alternador c sistema se polias ou caixa de reduçao e tals..

      Excluir
  6. Excelente projeto!!! Estão de parabéns.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns, pelo projeto o mundo precisa de pessoas com você

    ResponderExcluir
  8. A modificação é simples,mas tem que ser feita,o alternador de carro precisa de 1300 a 1500 RPM para gerar carga completa.
    tem como fazer as modificações do rotor e ele gerar 100 a 130 Volts. virando fácil com qualquer vento.

    ResponderExcluir

Item Reviewed: Construa seu Próprio Gerador Eólico Caseiro Fácil e Barato Rating: 5 Reviewed By: Mauricio Pagliaccio